Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.
Artrópodes articulando.

terça-feira, 8 de novembro de 2016

"As rugas fizeram residência no meu rosto/ Não choro/ Pra ninguém me ver sofrer de desgosto"

 
Elika Takimoto

Há um mês, liguei para a clínica para marcar dermatologista. A minha médica estava de licença, mas falaram que a dr. Camila que estava no lugar dela era ótima.
- Querida, vc vai adorar a Camila também. Ela tem pele de porcelana. Parece uma boneca.

Resultado de imagem para boneca de porcelana

- OK, marca pra mim, então.
Hoje estive lá.
De fato, a mulher não tem uma ruga se quer! Parecia que o rosto dela estava coberto com contact ou um plástico bem colado, tipo um saco, sabe? Mas foi na hora que ela riu que eu fiquei boladaça de verdade. Os olhos pareciam que ficavam mais abertos, e só a boca se mexia. Nem um músculo se movimentava!
Enfim, galera, eu estava diante do capeta. Juro que ela uma hora virou pra mim e falou:
- Vamos encher de ácido essa fuça! Urrurrurrááááááá.
Sei que eu saí de lá correndo e mesmo sem acreditar em nada dei uma benzidinha básica. Joguei a receita no lixo e vim correndo contar pra vocês que as rugas que estão fazendo residência no meu rosto vão, em breve, formar até um condomínio e o máximo que vou fazer é colocar um segurança na entrada.
O que não devemos deixar acontecer, meninas, é que alguém se afaste de nós justamente quando sorrimos, né?
Fala sério!

Nenhum comentário:

Postar um comentário