Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.

Playlist Almanaqueiras

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Brasil só é patriota no Xvideos.

Sites pornôs revelam o Brasil

Gregorio Duvivier 

Resultado de imagem para putaria


COLUNISTAS DA SEMANA: quinta: José Simão, sexta: Ricardo Araújo Pereira, sábado: José Simão, domingo: Marcius Melhem, segunda: Gregorio Duvivier, terça: José Simão

Viva a internet. Graças a ela podemos saber aquilo que a gente nunca quis saber. O site PornMD, uma espécie de Google pornô, revelou os termos mais buscados em cada país e ainda fez um infográfico pra facilitar a pesquisa. Por que isso é assustador? Porque dá acesso não ao que as pessoas afirmam que dá tesão em pesquisas de opinião mas àquilo que elas buscam quando ninguém está vendo e e não contam nem pro analista. E o resultado é aquele que você já esperava: um resultado pior do que você podia esperar.

Os EUA assustam especialmente por estarem no comando do planeta. Entre os dez termos mais buscados estão "mãe", "irmã" e "falsa irmã", para aqueles muito culpados de procurar "irmã". Sim, um terço dos americanos procura sites pornôs pra ver as mesmas pessoas que eles veem no almoço de Páscoa. Sim, Estados Unidos é aquele país que tem tomahauks, bombas nucleares e a "mãe de todas as bombas" –reparem que até na bomba eles exprimem o tesão nacional.

Não são os únicos. "Mãe" está entre os mais buscados de Iraque, Israel, Polônia, França, Cazaquistão e muitos outros. Freud sorri no túmulo e murmura "eu já sabia".

O países da antiga União Soviética se caracterizam pela gerontofilia: russos buscam insistentemente "maduras" ("mature", "russian mature", "milf") enquanto ucranianos preferem as "vovós" ("granny"). Mas ninguém gosta de mulheres tão maduras quanto os vietnamitas, que procuram octogenárias ("old woman 80"). Já a China e a República Tcheca tem em comum a urolagnia, nome técnico que designa o tesão pelo xixi –"piss" está entre as palavras mais digitadas nos dois países.

Muitos países têm tesão pela população de outro país –e geralmente esse país é o Japão. "Japonesas" está entre os mais buscados da Indonésia, China, Coreia e Índia, enquanto nigerianos buscam obsessivamente "japonesas de tetas grandes". Já o Japão só quer saber do Japão mesmo ("esposa japonesa", "mãe japonesa", "vó japonesa", "hentai").

Sim. Eu sei o que você tá pensando: e o Brasil? Pode respirar aliviado. Não há qualquer menção a xixi, cocô ou familiares. No lugar disso, há um enorme apego ao próprio país: "brasileiras", "brasileirinhas", "amadoras brasileiras" e "brasileiras lésbicas". Entre quatro paredes, quando ninguém tá vendo, a gente se curte –mais que qualquer coisa. O Brasil só é patriota no Xvideos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário