Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.

Playlist Almanaqueiras

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

o Brasil perde o balanço de Orlandivo.

Morre o compositor Orlandivo, ícone do sambalanço

Autor de 'Bolinha de sabão' planejava lançar disco em 2017, celebrando seus 80 anos


O Globo




RIO - O cantor, compositor e percussionista Orlandivo morreu na madrugada desta quarta-feira, de causas não divulgadas. Um dos três pilares do gênero conhecido como sambalanço (ao lado de Ed Lincoln e Durval Ferreira), o artista planejava lançar um novo disco, com inéditas, e um show celebrando seus 80 anos, que ele completaria no dia 5 de agosto.

— Há uma semana tivemos um encontro com ele na casa de João Donato, Orlandivo queria mostrar umas músicas inéditas — conta a cantora Amanda Bravo, que prepara um disco dedicado ao sambalanço que incluirá músicas do compositor. — Foi uma tarde supergostosa, ele fez o maior som com João , os dois se divertiram muito. Ele não estava muito bem de saúde, mas ao mesmo tempo estava cheio de planos e criando muito.

Natural de Itajaí (SC), o autor de sucessos como "Vô batê pá tu" e "Bolinha de sabão" começou a carreira no Rio, para onde se mudou com a família aos 9 anos. Suas primeiras composições foram feitas em parceria com Paulo Silvino, ainda nos anos 1950. Em 1962, quando já atuava como crooner da orquestra de Ed Lincoln, ele gravou seu primeiro disco, "A chave do sucesso" - uma referência à sua maneira única de usar o chaveiro como instrumento de percussão.

Chegou a trabalhar na TV ("Chico Anysio show", "Balança mas não cai", "Faça humor, não faça guerra") e cinema ("Eu transo... Ela transa", de 1972, e "Como nos livrar do saco", de 1973). Teve canções gravadas por Simonal, Cauby Peixoto, Ângela Maria, João Donato, Jorge Ben Jor e Elza Soares. Seu álbum mais recente é "Sambaflex", lançado em 2006.

Orlandivo é uma das estrelas do livro "Sambalanço, a bossa que dança", de Tárik de Souza - a pesquisa gerou o documentário homônimo, de Fabiano Maciel em parceria com Tárik. Finalizado, o filme ainda não tem data de lançamento.

Na noite de terça-feira, Orlandivo passou mal e chegou a dizer ao filho que iria ao hospital nesta quarta - mas foi encontrado morto pela manhã. Ainda não há informações sobre o enterro do compositor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário