Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Os crimes devem ser julgados sem vaidade no magistrado. São crimes que atingiram o povo brasileiro. Vivemos um momento de luto. E estamos todos no mesmo barco.

   
Fabio Assunção


É assustador a desumanidade que se vê todos os dias no noticiário e nas ruas. Hoje divertem-se com o Garotinho, publicam memes, felizes com esse ralo gozo sádico, gargalham da dor alheia. O mérito jurídico não pode estar acima da dignidade humana. Não compactuo com isso. Arbitrariedade, violência, exposição, abusos de poder, moralismos tolos. 

Resultado de imagem para fascistas

A menina grita "fora dilma" e depois paga pelo gabarito do ENEM. A dodói se auto-proclama Patriota, defende intervenção militar e não sabe nem que aquele vermelho ao lado da bandeira brasileira era da bandeira japonesa (comunismo??). Mas todos jogam pedras. Furam filas, sonegam o que podem. Você vai a um medico e ele oferece que a consulta seja sem nota para 'todos' se darem bem. A pessoa que vai trabalhar na sua casa e recebe aposentadoria por invalidez, pede pra você não assinar a carteira dela para ela não perder o beneficio. Vai comprar um imóvel e o sujeito propõe que se declare um valor menor. Todos donos da verdade na hora de julgar, mas saibam que quando você for descoberto, irão rir de você. Eu não. To fora desse alimento perecível, desse autoritarismo. Estou com meu estômago embrulhado, assim como fiquei quando o Gaddafi foi linchado nas ruas da Líbia. Os crimes devem ser julgados sem vaidade no magistrado. São crimes que atingiram o povo brasileiro. Vivemos um momento de luto. E estamos todos no mesmo barco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário