Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.

domingo, 4 de dezembro de 2016

quem defenderá abuso? Qualquer abuso, até o de autoridade? Um juiz, um colegiado de juízes. Por que então não ignorar o rol de padrinhos e debater o essencial? E o essencial é: padecemos ou não padecemos numa sociedade em que há abusos de autoridade praticados diuturnamente? Por que não confiar na Justiça para nos ajudar a invocar a isonomia?



Nenhum comentário:

Postar um comentário