Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.
Artrópodes articulando.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

coisinhas que podem ser processadas com gelo e limão.

Janot pode ser processado assim que deixar o cargo 

Mônica Bergamo


O procurador-geral Rodrigo Janot pode ser alvo de ações judiciais assim que deixar o comando da Procuradoria-Geral da República, no próximo mês. A iniciativa já é discutida entre alvos da Operação Lava Jato.

ESPINHO

Se as iniciativas forem adiante, elas serão apreciadas pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça): Janot, como subprocurador, terá foro privilegiado. O clima na Corte não é dos melhores para o atual procurador-geral, que já pediu investigação contra dois integrantes do colegiado -os ministros Francisco Falcão e Marcelo Navarro.

NA DELE

As opiniões no STJ se dividem: um ministro diz que Janot, por causa do espírito de corpo, corre risco na Corte. Já um segundo integrante do tribunal afirma que é muito difícil que uma ação prospere já que ele apenas cumpriu as atribuições de seu cargo. Pode-se discordar do procurador, mas o "embasamento probatório" das ações que propôs seria "devastador", segundo o magistrado.

FALTOU TEMPO

O empresário Joesley Batista, da JBS, algoz de Michel Temer, não assistiu à sessão da Câmara que deliberaria sobre a ação penal contra o presidente.

FOCO

Joesley estaria concentrado exclusivamente em ouvir de novo todas as gravações que fez com políticos e em reler documentos para finalizar os anexos de sua delação premiada. Ele deve entregar a papelada ao Ministério Público Federal em dez dias.

DESPEDIDA

O urologista Miguel Srougi pediu demissão do cargo de diretor clínico do hospital Sírio Libanês.
*
Em carta enviada aos médicos, ele afirma que tomou a decisão "por motivos de razão íntima e sem que me fosse permitido exercer com altivez" a função. Srougi não entra em detalhes sobre as razões de seu descontentamento.
-
VIDA OU MORTE

O filme "Malasartes e o Duelo com a Morte" teve pré-estreia na terça (1º), com a presença dos atores do longa Jesuíta Barbosa, Vera Holtz e Leandro Hassum e do diretor, Paulo Morelli. O cineasta Fernando Meirelles e a atriz Monica Iozzi também assistiram à sessão, no shopping Iguatemi.
-
TRAJETO

As exposições que integrarão a 11ª Bienal de Arquitetura abrirão em outubro em instituições culturais do centro de São Paulo. Elas formarão um percurso em que o visitante não levará mais que cinco minutos a pé de um prédio ao outro.

SOBRE RODAS

Haverá também dois trailers em que profissionais receberão pessoas para debates e oficinas.
-
PEDRA E VIDRO

A exposição "Common Sense", com trabalhos realizados em pedras portuguesas pelos artistas Fernando e Humberto Campana e pela designer Claudia Moreira Salles, foi aberta nesta terça (1º), na Casa de Vidro. A presidente do conselho de administração do Instituto Bardi, Sonia Guarita, também esteve no evento.
-
CHANCE

O empresário Rui Campos, sócio da Livraria Travessa, diz ter comemorado a aquisição da Fnac pela Livraria Cultura, uma de suas maiores concorrentes.

*
"O mercado estava apavorado com a possibilidade de perder a Cultura e agora eles têm uma chance de se recuperar", diz.

NÃO ACABOU

Na sua opinião, o negócio também dá um sinal de vitalidade do setor. "O Sergio [Herz, presidente da Livraria Cultura] vivia dizendo que o varejo físico estava morto. E isso fazia mal para as outras livrarias. Se ele comprou 12 novas lojas é porque não é tão ruim assim", diz.

DOU-LHE UMA

Será lançado nos próximos dias um pregão eletrônico que vai definir as novas empresas de varrição de São Paulo. É a primeira vez que a escolha será dessa forma. Foi uma decisão em conjunto da Amlurb (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana) com a secretaria das Prefeituras Regionais e a Procuradoria Geral do Município.
*
Duas empresas atuam no contrato atual, que custa mais de R$ 90 milhões por mês e vence em dezembro.

CURTO-CIRCUITO

Betty Gervitz inicia nesta quinta (3) o segundo semestre das aulas de dança étnica, no Espaço Steps, em Pinheiros.

O ministro Luís Roberto Barroso fala nesta quinta (3) sobre o momento institucional brasileiro, no VI Simpósio de Direito Empresarial, em São Paulo, às 9h10.

A comunidade judaica Beth El promove nesta quinta (3) a pré-estreia beneficente do espetáculo "Gira", do Grupo Corpo. No Teatro Alfa, às 20h30.

Nenhum comentário:

Postar um comentário