Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.

Playlist Almanaqueiras

sábado, 1 de julho de 2017

RAP: 51 anos no ar

Rádio Alto Piranhas: 51 anos no ar


José Antonio de Albuquerque 

A imagem pode conter: texto



Hoje 1º de julho de 2017, a Rádio Alto Piranhas completa 51 anos de existência. Uma emissora nascida sob a égide da Diocese de Cajazeiras, idealizada e registrada por Dom Zacarias Rolim de Moura, em 4 de abril de 1959, mas somente, por questões burocráticas, em julho de 1966, levou ao ar música “Luar do Sertão”.

Ao lado de Dom Zacarias constituíram a sociedade limitada Monsenhor Abdon Pereira e Mons. Vicente Freitas. No contrato social celebrado estavam especificados os objetivos da empresa: educar cívica e patrioticamente a população sertaneja.

Ao longo destes 51 anos “no ar”, foi intento e desejo dos que fazem e fizeram esta emissora ter um compromisso com a verdade, de ser porta voz dos que não têm direito a voz e a vez, numa sociedade onde o poder econômico fala mais alto, sem fugir porém à ética jornalística, exercendo o sagrado princípio que toda pessoa tem o direito de liberdade de expressão e este direito compreende a liberdade de opinião e liberdade de receber ou transmitir informações ou idéias, sem sofrer qualquer ingerência, principalmente da autoridade pública e sem considerações de fronteira.

No exercício destas liberdades comportam deveres ou responsabilidades que sempre procuramos praticá-las com muito isenção e firmeza.

A história desta emissora se confunde com a história da cidade nos últimos 51 anos porque sempre esteve na trincheira ao lado do povo defendendo-o e denunciando arbitrariedades contra os mesmos.

Durante o regime militar a emissora foi punida várias vezes e notificada outras tantas, porque não soube calar sua voz diante das baionetas ensarilhadas dos ditadores de plantão.

Em defesa de idéias consideradas corretas, juizes de direito, fecharam-na quase uma dezena de vez, mesmo sabedores de que não estávamos ferindo a ordem instituída e quando a defesa foi levada a uma outra instância sempre se prolatava sentenças de inocência.

Quando no dia 13 de abril de 1983 a diocese passou o controle acionário da emissora para um outro grupo, genuinamente cajazeirense, até esta data procurou-se zelar pelo principio constitucional de que todo indivíduo tem direito a liberdade de opinião e expressão e que o rádio é um dos meios que os cidadãos podem se manifestar livremente em sua própria defesa e de seu semelhante. 

A Rádio Alto Piranhas se constitui hoje um patrimônio, não dos seus sócios, mas da cidade de Cajazeiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário