Alamanaqueiras: ou não queiras.

Alamanaqueiras: ou não queiras.
Artrópodes articulando.

terça-feira, 18 de outubro de 2016

a arrogância social-democrata atingiu a nossa classe artística. lamentável.

MINAS GERAIS

Atitude de Fagner em show incomoda músicos; cantor se defende

O cantor e compositor Fagner foi convidado para se apresentar no encerramento

do Festival Internacional de Corais e Bandas (FIC), em Caeté, realizado no

último dia 9. Uma semana depois, na noite deste domingo, 16, 

o jornal O Tempo publicou matéria sobre o suposto destrato do cantor

ao violonista Carlos Walter, que também se apresentou no evento.


O cantor se apresentou no encerramento da FIC 2016 (Foto: Gabriel Gonçalves, em dezembro de 2012)

O show reuniu dezenas de músicos na Serra da Piedade para homenagear o compositor Fernando Brant, morto em junho de 2015. Ao fim, Fagner cantaria algumas músicas, mas a apresentação não saiu como o esperado. O cearense recebeu da produção um violão emprestado de Walter. Segundo O Tempo, o cearense teria criticado o violão e em seguida jogado o instrumento ao chão.

Carlos Walter relatou ao O Tempo que ficou incomodado com o ocorrido, já que o violão é um presente estimado dado por seu pai. "Questionei sobre o ocorrido e Fagner me respondeu com palavras de baixo calão", mencionou o violonista mineiro.
Do Rio de Janeiro, Fagner deu entrevista ao O POVO Online, por telefone, na noite desta segunda-feira, 17. Ele questionou a demora na abordagem do caso pela imprensa, o que classificou como "sem importância" e "falta de assunto ao jornal mineiro". O artista aponta a culpa para a produção “equivocada e incompetente" do evento.
"Cheguei um dia antes para um ensaio que não teve. O cara (produtor) apenas passou fotos do violão, mas quando fui passar o som, não tinha instrumento algum. Na hora (da apresentação), até o diretor musical saiu do palco e então a produção pediu o violão emprestado desse rapaz - que eu nem conhecia. Por não ser um violão profissional e ainda faltar correia, o que incomodou minhas costas, coloquei o violão no chão, mas nem sabia que era de estimação", ameniza.
Fagner relata que quase cancelou a participação na FIC. "Eu nem queria ir, por outro incidente com o mesmo produtor há 8 anos. Dois dias antes do evento eu estava prestes a cancelar. Só fui pela homenagem a Fernando Brant. Caí numa roubada".

Nenhum comentário:

Postar um comentário